5G e meios de pagamento: chegada da tecnologia no Brasil e seus impactos

Publicado em 29 de novembro de 2022.

Tempo de leitura 11 minutos de leitura

A nova tecnologia de conectividade móvel conhecida como 5G foi lançada em julho de 2022 no Brasil com grandes expectativas. Afinal, sua chegada ao país promete mudar completamente a experiência dos usuários de internet. Mas o que é o 5G? E quais são as oportunidades esperadas em relação ao 5G e meios de pagamento?

Estamos diante de uma importante modernização que irá transformar as telecomunicações e, consequentemente, o universo financeiro. Novas oportunidades já estão se abrindo e serão potencializadas no mercado brasileiro, onde ainda há muito espaço para bancarização na medida em que os serviços cheguem com mais velocidade a qualquer lugar do país.

Neste artigo, vamos entender melhor o que é o 5G e explorar as novas possibilidades e os impactos que devem ser trazidos por ele ao país. Confira!

 

O que é o 5G?

O que é 5G? 5G é o nome dado à quinta geração de tecnologia de redes móveis e banda larga. Na prática, uma internet muito mais veloz, que permite respostas instantâneas de conexão e alta velocidade mesmo em grandes aglomerações.

5G é o nome dado à quinta geração de tecnologia de redes móveis e de banda larga. Seu grande avanço em relação ao 4G pode ser resumido em 3 pilares principais:

  • Maior velocidade de conexão e download de dados: até 20 vezes maior que o 4G.
  • Baixa latência: menor espera na transferência de pacotes de dados do servidor.
  • Maior capacidade para suportar conexões simultâneas: suporta até 1 milhão de dispositivos conectados por quilômetro quadrado.

Na prática, o 5G significa obtenção de respostas instantâneas de conexão, o fim das ampulhetas de carregamento em sites e a manutenção da alta velocidade mesmo em grandes aglomerações, como em shows, competições esportivas etc.

A partir da ativação do 5G, a transmissão de áudios, fotos e vídeos deixará de ser um problema. Sua expansão no território nacional permitirá que usuários em áreas rurais, por exemplo, acessem uma conexão de alta qualidade para se comunicar e realizar transações financeiras.

 

Leia também | Open X: o que vem depois do Open Finance?

 

5G e meios de pagamento: como a tecnologia contribui para a inclusão financeira?

 

De acordo com as informações trazidas por Vinicius Caram, Superintendente da Anatel, durante o evento FEBRABAN Tech 2022, atualmente apenas 12% do território brasileiro têm cobertura de internet. Para mudar esse cenário, o 5G auxiliará principalmente em 3 aspectos essenciais:

  • Disponibilidade de conexão em regiões remotas do país;
  • Melhor experiência dos usuários;
  • Barateamento dos produtos financeiros.

Entenda melhor o impacto em cada um deles abaixo:

 

Conexão em regiões remotas do país

 

Por ser um país de dimensões continentais, em algumas regiões do Brasil a população ainda precisa se deslocar aos centros urbanos para realizar transações financeiras. Isso se deve não apenas à falta de acesso à internet, como também à baixa qualidade da rede disponível.

Um efeito imediato da chegada do 5G será o barateamento das conexões, permitindo que pessoas hoje digitalmente excluídas possam utilizar a internet com mais frequência e simplicidade. Assim, conforme o 5G avançar nas regiões mais isoladas do do país, como nas áreas rurais ou de florestas, a facilidade de acesso a toda sorte de serviços remotos aumentará.

Aos poucos, o segmento ainda não bancarizado da população terá condições técnicas para abrir contas e realizar transações pelo celular, com comodidade e segurança. Afinal, instituições financeiras poderão atuar virtualmente em locais mais distantes, onde construir uma estrutura física para atendimento dos clientes não é economicamente viável.

Essa oportunidade é especialmente relevante para os bancos digitais e para os bancos tradicionais que investiram em evolução de suas contas digitais recentemente.

 

Melhor experiência dos usuários

 

A influência do 5G nas telecomunicações será essencial para promover uma melhor experiência de interação entre o usuário e a instituição que provê serviços financeiros a ele.

Além dos produtos que já são contratados com facilidade de forma virtual (como abertura de conta, contratação de empréstimo pré-aprovado, solicitação de cartão de crédito, por exemplo), a facilidade de transmissão de vídeos permitirá que um cliente possa ter acesso a consultores e gerentes remotamente com a mesma confiança que faria em uma agência física para serviços que ainda demandem interação humana.

No futuro, é possível vislumbrar também que o acesso à realidade virtual e aumentada fará com que, aos poucos, pessoas com diferentes perfis de instrução, idade e poder aquisitivo possam realizar compras e contratações com a mesma naturalidade que fariam no atendimento presencial.

De forma geral, poder realizar transações em fração de segundos, com uma performance aprimorada das plataformas e aplicativos, tornará a experiência no uso dos recursos digitais cada vez mais amigável para a população – o que também ajuda a impulsionar a inclusão financeira.

 

Barateamento dos serviços e produtos financeiros

 

O 5G também tem um papel importante para a consolidação de modelos como o Open Banking e o Open Finance, em que clientes podem compartilhar suas informações e histórico entre diferentes instituições para ter acesso a serviços e produtos customizados às suas necessidades.

O alto fluxo de dados, com qualidade e velocidade, possibilitará que instituições financeiras avaliem rapidamente o risco de cada transação através do cruzamento das informações sobre operações anteriores, hábitos de consumo, deslocamentos, localização geográfica etc.

Além da maior personalização das suas ofertas, as instituições financeiras poderão também economizar diante das vantagens trazidas pela ativação do 5G. Algumas delas são:

  • Redução do risco de fraudes com a maior velocidade dos algoritmos de detecção de suas soluções antifraude.
  • Diminuição das despesas de manutenção de agências e escritórios para atendimento ao público, que passará a ser realizado virtualmente.
  • Maior segurança na conexão 5G com criptografia ponta a ponta e controle de acesso.
  • Aumento da eficácia das ações de marketing, uma vez que as instituições poderão entender melhor o comportamento e as necessidades dos clientes.

Toda a economia gerada pela adoção do 5G deverá chegar aos usuários em forma de produtos e serviços financeiros personalizados e acessíveis, de acordo com a sua realidade individual. Tamanha facilidade será o estímulo ideal para inclusão financeira de muitos brasileiros.

 

Assista na íntegra ao painel apresentado no FEBRABAN TECH 2022:

 

5G: impactos para o setor de pagamentos e banking

 

O avanço do 5G no Brasil vai contribuir para remodelar a maneira como as pessoas compram e interagem entre si. Para o setor de banking e meios de pagamento, sua alta velocidade, segurança e baixa latência serão especialmente interessantes.

Com a maior conectividade, os players poderão lançar plataformas de serviços mais completas, aplicativos com maior variedade de funcionalidades além de produtos e serviços inovadores.

No mercado de banking tradicional, por exemplo, o fluxo de dados em tempo real permitirá interação de alta qualidade com os clientes, virtualização das agências bancárias e utilização intensiva de inteligência artificial para aprender mais sobre os gostos e as necessidades do público.

Neste sentido, alguns bancos tradicionais já iniciaram os testes com 5G em suas agências. O líder em infraestrutura de TI do Bradesco, Wilson Okamoto, afirmou no painel do FEBRABAN Tech 2022, que os testes realizados com 5G em 2 agências em Brasília foram um sucesso.

Para ilustrar algumas das novas oportunidades trazidas pelo 5G, o executivo citou alguns exemplos interessantes, como:

  • Uso de vídeos e fotos para acionamento de seguros em tempo real, como vistorias de veículos, inclusive com visita de drones, por exemplo.
  • Uso da realidade aumentada para visitação e aquisição de bens de alto valor, como imóveis, associada à oferta de empréstimos e financiamentos bancários.
  • Uso de inteligência artificial para monitorar movimentação nas agências físicas, de forma a analisar comportamentos de risco, expressões faciais e evitar roubos.

 

Como 5G e meios de pagamento se combinam para a evolução?

 

Em relação à evolução dos meios de pagamento, espera-se a ampliação do uso de pagamentos instantâneos e digitais, como o Pix, de maneira ainda mais rápida e segura.

O uso de Wearable Devices, como óculos, relógios e pulseiras também será impulsionado pelo 5G.

Considerando que a nova conectividade em 5G viabiliza e potencializa o uso em larga escala de recursos e tecnologias já disponíveis atualmente, como a IA, a internet das coisas e o Blockchain, devemos, no longo prazo, observar também uma redução drástica no uso do dinheiro em papel.

 

Evolução e desafios do 5G no Brasil

 

De acordo com o cronograma planejado pela Anatel, espera-se que até 2029 todos os municípios brasileiros já tenham o 5G ativado. O início se dará nas capitais, seguido pelas cidades acima de 500 mil habitantes, até atingir todas as regiões do país.

Porém, existem alguns obstáculos a serem enfrentados para que sua ampla utilização se torne realidade no Brasil. Listamos alguns dos principais a seguir:

  • Necessidade de políticas públicas para viabilizar conexão em áreas mais isoladas como a Amazônia.
  • Exigência de atualização das legislações municipais para permitir a instalação de antenas de transmissão do 5G.
  • Demanda por educação financeira para que a parcela da população consiga utilizar serviços virtuais com destreza e segurança.
  • O alto custo dos smartphones e dispositivos compatíveis com o 5G, somado ao atual cenário de perda do poder de compra da população, pode atrasar a penetração do uso da tecnologia em classes de menor renda.

Apesar das barreiras existentes, a própria Anatel espera que o grande interesse econômico na utilização da 5G seja a força motriz para a superação rápida dos desafios.

Afinal, os governos estaduais e municipais terão interesse cada vez maior em promover as mudanças necessárias para ativação do 5G em sua localidade. Quanto mais difundida a tecnologia, a tendência é que os dispositivos compatíveis fiquem cada vez mais baratos. Assim, aos poucos, o acesso à internet contribuirá para levar os serviços financeiros digitais à população de todas as regiões.

 

Leia também | A ascensão da biometria em meios de pagamento

 

Estamos de olho na ativação do 5G no Brasil e no potencial para a inclusão financeira

 

Na Dock, temos um grande compromisso em contribuir por meio da nossa tecnologia para que nossos clientes possam acelerar a inclusão financeira na América Latina. Logo, a evolução do 5G no Brasil e em toda a região é um dos temas que acompanhamos de perto, com a confiança de que será um dos vetores para que, de fato, as pessoas tenham acesso a serviços finceiros digitais.

 

Saiba mais sobre a nossa plataforma e conheça nossas soluções de Banking, Cards & Credit, Acquiring e Risks

 

5G e meios de pagamento: o que você viu nesse artigo?

 

  • 5G é a quinta geração de tecnologia de redes móveis e banda larga. Na prática, uma internet muito mais veloz, que permite respostas instantâneas de conexão e alta velocidade mesmo em grandes aglomerações.
  • O 5G no Brasil será um importante vetor para a evolução dos meios de pagamento e para a inclusão financeira, especialmente em regiões nas quais a população não tem acesso a internet de forma constante e com velocidade suficiente para realizar transações financeiras.
  • Instituições financeiras já estão se preparando para a evolução trazida pelo 5G – como virtualização de agências e novas formas de contratação de serviços como seguros e crédito.
  • O 5G irá contribuir para a maior adesão a pagamentos instantâneos, weareble devices, entre outras tecnologias. No longo prazo, isso irá resultar em redução do uso do dinheiro em espécie.
  • Ainda existem desafios para o 5G no Brasil, como alto valor dos aparelhos compatíveis, legislações municipais e estaduais para instalação de antenas e demanda por educação financeira e digital.

Artigos relacionados a 5g e meios de pagamento:

 

Quer ficar por dentro das últimas novidades no mercado de pagamentos e digital banking?

Inscreva-se na nossa newsletter mensal:

    Email enviado Inscrição realizada! OK