BaaS

Do boleto ao P2P. Conheça os principais meios de pagamento para empresas de tecnologia

Segundo uma pesquisa feita pela International Data Corporation (IDC) – empresa de inteligência de mercado – e divulgada pelo site da Agência Brasil, o nosso país se destaca no uso dos meios de pagamento digitais. Os números mostram que 61% dos brasileiros participantes deste estudo usam essa forma de pagamento.

Além disso, 24,3% utilizam smartphones para realizar atividades financeiras, como o uso do cartão. As fintechs estão de olho nessa transformação digital e fornecem meios de pagamentos virtuais que atendam às necessidades desse público inovador. É sobre esse assunto que falaremos neste artigo.

Quais são os principais meios de pagamento?

Estamos na era dos pagamentos instantâneos que englobam as transferências monetárias eletrônicas. O Banco Central, para acompanhar tal evolução, já está regulamentando a atividade, além de criar um fórum para discutir assuntos relacionados ao setor. Isso traz benefícios como um ambiente eficiente, seguro e competitivo.

Diante dessa inovação, vários grupos são beneficiados como o P2P (person to person), P2B (person to business), P2M (peer to merchant) e B2B (business to business). Sendo assim, principalmente os negócios do ecommerce conseguem oferecer os seguintes meios de pagamento.

  • Transferências – é uma forma de quitação rápida, barata e segura. Muitas empresas e consumidores usam as transferências, em especial, quando os valores de compra são mais baixos;
  • Cartão de crédito – atualmente, essa forma de pagamento é mais realizada virtualmente e permite o parcelamento das compras;
  • Cartão de débito e pré-pago – transação financeira que debita o valor a ser pago diretamente na conta do usuário. Com isso, a empresa recebe o dinheiro imediatamente;
  • Carteira digital ou e-wallet – funciona como uma conta virtual que é manuseada por meio de um aplicativo que possui as informações pessoais dos usuários;
  • Boleto bancário – esse meio de pagamento pode ser feito à vista ou parcelado. Ele é muito utilizado por clientes que não possuem um cartão de crédito ou débito.

De acordo com a citada pesquisa feita pela IDC, o Brasil lidera o uso de cartões de crédito na América Latina. No entanto, o cartão de débito também é utilizado. Esse estudo mostrou que 74% dos brasileiros utilizam tanto o crédito como o débito. Sem dúvida, esses são os meios de pagamento mais queridos dos brasileiros.

Quais são os benefícios de oferecer meios de pagamento otimizados?

Há inúmeras vantagens em utilizar meios de pagamentos ágeis e seguros para os stakeholders. Um deles é a praticidade que oferecem para os clientes. Afinal, as transações são feitas por meio do smartphone sem precisar de muitos processos complicados. Dessa forma, a empresa oferece mobilidade e uma boa experiência de consumo para os clientes.

Outra vantagem está relacionada com a redução de custos para a empresa, pois reduz ou elimina por completo as taxas de compensação de boletos e de TEDs, além de automatizar a gestão de pagamentos evitando trabalhos contábeis manuais. Também é uma transação segura sendo protegida por sistemas criptográficos que inibem a atuação dos criminosos virtuais.

Podemos apontar como vantagem a possibilidade de criar e integrar novos canais de venda por meio do conceito omnichannel. Muitos consumidores começam a jornada de compra pelas redes sociais ou plataformas ecommerce.

Normalmente, eles fecham a compra também por meios digitais. Em vista disso, a empresa que oferece os meios de pagamentos ágeis e virtuais sai ganhando da concorrência.

Como a plataforma de serviços financeiros pode ajudar?

Para ingressar na era dos meios de pagamentos otimizados, muitas empresas estão firmando parcerias com fintechs que disponibilizam plataformas de serviços financeiros como a Banking as a Service (BaaS). Dessa forma, esses negócios atendem as necessidades dos clientes funcionando como um banco.

Entre os serviços ofertados pelo BaaS estão:

  • emissão de cartões (crédito e débito);
  • transferências;
  • conta de pagamento digital;
  • pagamento de contas;
  • saques;
  • recargas de celular;
  • recarga de cartão de transporte público;
  • investimentos.

Com certeza, essa parceria entre a tecnologia, a fintech e as empresas, empodera os negócios tornando-os mais competitivos e eficientes.

Voltar

DeepDock Materiais exclusivos e análises amplas para
quem quer se aprofundar sobre o nosso negócio.
E-books, infográficos, whitepapers, pesquisas e cases.

Acessar gratuitamente

Você está pronto para se tornar um
pioneiro do banking para empresas
no Brasil?

Quero abrir o meu banco