El Buen Fin 2022: caminho para estímulo à inclusão financeira e aceleração do mercado de pagamentos e banking no México

Publicado em 16 de novembro de 2022.

Tempo de leitura 9 minutos de leitura

Desde 2011, El Buen Fin conseguiu se posicionar como uma das datas mais relevantes do varejo no México. Prova disso é que a edição 2022 da “Black Friday Mexicana”, que acontece entre 18 e 21 de novembro, tem a expectativa de movimentar 195 bilhões de pesos, segundo seus organizadores. Além disso, a campanha do El Buen Fin 2022 contempla iniciativas que estimulam o uso de meios de pagamento eletrônicos para promover a formalização da economia e avançar na inclusão financeira.

Apesar das perspectivas na redução do uso do dinheiro em espécie, esse meio de pagamento ainda figura entre os mais utilizados no México. Em que pese os avanços tecnológicos favorecidos pela pandemia, como o advento de novos meios de pagamento e o aumento das compras via e-commerce, o país ainda tem um longo caminho a percorrer no mercado de pagamentos e banking para que todos possam participar plenamente do sistema financeiro.

Nesse sentido, El Buen Fin tem desempenhado um papel importante para acelerar o segmento. E é sobre as oportunidades decorrentes desse panorama que vamos falar neste artigo. Acompanhe!

 

O que é El Buen Fin?

 

Inspirado na Black Friday dos Estados Unidos, El Buen Fin é um evento comercial criado em colaboração entre os setores público e privado do México.

Como o próprio nome indica, ocorre durante um fim de semana inteiro, proporcionando descontos e ofertas em diversas lojas físicas e online. É assim chamado por ser uma oportunidade para o comércio mexicano aquecer as vendas e fechar o ano com um bom saldo de movimentações financeiras.

Nesta 11ª edição e após dois anos em que os dias foram estendidos devido à pandemia de coronavírus, El Buen Fin 2022 retorna ao formato tradicional de quatro dias, antecedendo o feriado do Dia da Revolução Mexicana.

 

Quem organiza El Buen Fin?

 

Entre os diversos órgãos do Governo Federal e da iniciativa privada que organizam e apoiam El Buen Fin estão a Associação Nacional de Autoatendimento e Lojas de Departamento (ANTAD), a Concanaco Servytur (Confederação das Câmaras Nacionais de Comércio, Serviços e Turismo), o  Conselho de Coordenação Empresarial (CCE) e a Secretaria da Fazenda do México, entre outros.

Somente empresas registradas no El Buen Fin podem usar a marca e o logotipo, portanto estabelecimentos que desejam participar devem se registrar no site do programa. Caso algum comércio que não esteja cadastrado utilize a marca, pode incorrer em propaganda enganosa.

Leia também | Black Friday: oportunidade para soluções de crédito além do cartão

 

Quais os benefícios para empresas e consumidores?

 

Ao contrário de outros países que possuem fortes campanhas no estilo Black Friday, a temporada de promoções do México tem uma organização centralizada por órgãos públicos e privados, o que se traduz em benefícios para consumidores e varejo.

Assim, empresas que aderem à campanha aparecem no diretório geral e contam com o apoio de organizadores e apoiadores. Também têm acesso a materiais, recursos e treinamentos gratuitos.

Já os consumidores podem acessar a página especial da Procuradoria Federal do Consumidor (Profeco), onde são listadas as lojas participantes e disponibilizado um comparativo de preços. Além disso, durante El Buen Fin, a Profeco inspeciona os estabelecimentos com o objetivo de assegurar o cumprimento dos regulamentos.

 

Como El Buen Fin incentiva o uso de meios de pagamento eletrônicos?

 

Segundo dados divulgados pela AMI em março de 2021, o acesso a contas em bancos e fintechs no México aumentou entre 2017 e 2021, atingindo 45% de penetração no último ano. Apesar do aumento e de possuir o segundo maior PIB da América Latina (atrás somente do Brasil), o país continua com uma das menores penetrações em contas bancárias, impactando seus níveis de inclusão financeira.

barreiras para a inclusão financeira

Diante desse contexto, El Buen Fin busca contemplar iniciativas que estimulem o uso de meios de pagamento eletrônicos, promovendo a formalização da economia, diminuindo o uso de dinheiro em espécie e avançando na bancarização.

Os resultados têm sido satisfatórios nesse sentido: 5 em cada 10 compras durante El Buen Fin 2021 foram feitas com cartão de crédito, o que representou 21% a mais que no ano anterior. Segundo dados da Associação de Bancos do México (ABM), o uso de cartões representou 29% das vendas totais na última edição do evento.

 

Sorteio de prêmios para compras pagas com cartões

 

Como estímulo ao uso de pagamentos eletrônicos, El Buen Fin realiza anualmente um sorteio no mês de dezembro. Nele concorrem todas as pessoas que fizeram compras com cartões de crédito ou débito, acima de 250 pesos, durante o período de ofertas. Os prêmios chegam a até 250 mil pesos. Estabelecimentos participantes da campanha também concorrem em uma categoria específica.

 

Vantagens para os consumidores nos pagamentos com cartão de crédito no El Buen Fin 2022

 

1. Parcelamento sem juros

 

Um dos atrativos do El Buen Fin é a compra parcelada, com a usual oferta de parcelamento sem juros. Mesmo que alguns estabelecimentos não pratiquem essa modalidade, muitos bancos ativam o benefício para que seus clientes não deixem de realizar suas compras.
 

2. Promoções especiais

 

Existem ofertas que são habilitadas exclusivamente para compras com cartão de crédito e que não estão disponíveis para outros meios de pagamento.
 

3. Bônus de cashback

 

Muitos bancos possuem cartões de crédito com programas de pontos e cashback que são potencializados durante El Buen Fin, inclusive com campanhas já em andamento para El Buen Fin 2022.

 

Leia também | Open X: o que vem depois do Open Finance?

 

Além do El Buen Fin 2022: panorama do mercado mexicano de pagamentos e banking

 

Como vimos, a desbancarização mantém a força do dinheiro em espécie no território Mexicano. Entre as principais razões para a desbancarização na região estão as altas taxas bancárias, desconfiança nos bancos e dificuldade de acesso por parte da população rural e outras populações excluídas, como pessoas de classes sociais mais baixas, mulheres e indígenas.

Como vemos no gráfico abaixo, os pagamentos em dinheiro ainda correspondem a 44% das transações no varejo físico no México.

mix de pagamentos no méxico

Outro fator que chama a atenção é a quantidade de cartões de débito existentes no país em comparação com o número de cartões de crédito, conforme dados a seguir:

  • 157,8 milhões de cartões de débito (2020);
  • Média de 1,7 cartão de débito por pessoa acima de 15 anos (2020);
  • 27,7 milhões de cartões de crédito (2020);
  • Média de 0,3 cartão de crédito por pessoa acima de 15 anos (2020).

Ao mesmo tempo em que o cenário comporta iniciativas como as promovidas pelo Buen Fin 2022, com ações que estimulam a adoção de meios de pagamentos eletrônicos, também abre espaço para que diferentes players acelerem suas estratégias para transformação do mercado. Reguladores, instituições tradicionais, fintechs e empresas devem implementar ações além dos dias do El Buen Fin para garantir que de fato a população mexicana possa ter acesso não apenas aos meios de pagamento digitais, mas também a outros serviços – como crédito, investimentos, seguros, etc.

 

Leia também |  Open Insurance: a grande oportunidade para impulsionar o setor de seguros 

 

A Dock acompanha de perto as evoluções do universo financeiro mexicano

 

Apoiamos bancos, fintechs e empresas mexicanas que incorporam serviços financeiros aos seus negócios para que possam acompanhar todas as evoluções do mercado de pagamentos e banking no país.

Por isso, estamos preparados para permitir que nossos clientes – e seus usuários – possam aproveitar ao máximo as oportunidades de datas como o El Buen Fin 2022 por meio da nossa plataforma global de soluções financeiras.

Quer saber melhor como empoderam os negócios do setor a serem tudo o que desejam? Assista ao nosso vídeo manifesto:

 

Buen Fin 2022: o que você viu neste artigo

 

  • El Buen Fin é uma espécie de Black Friday mexicana que, em 2022, acontece entre 18 e 21 de novembro;
  • Ao contrário de outros países que possuem campanhas como Black Friday, o El Buen Fin 2022, temporada de promoções do México, tem uma organização centralizada por órgãos públicos e privados, o que se traduz em benefícios para consumidores e lojistas;
  • A campanha do El Buen Fin 2022 contempla iniciativas que estimulam o uso de meios de pagamento eletrônicos para promover a formalização da economia e avançar na inclusão financeira;
  • Além de vantagens e benefícios para o uso de cartão de débito e crédito, El Buen Fin promove um sorteio com prêmios para compras pagas com essas formas de pagamento;
  • O comércio mexicano como um todo prevê vantagens para o pagamento com cartão de crédito e os próprios bancos facilitam o parcelamento sem juros durante o El Buen Fin;
  • O cenário de desbancarização também abre oportunidades para empresas e investidores do mercado de pagamentos e banking, a exemplo do crescimento do “as a Service” e dos cartões no e-commerce.

 

Artigos relacionados:

Quer ficar por dentro das últimas novidades no mercado de pagamentos e digital banking?

Inscreva-se na nossa newsletter mensal:

    Email enviado Inscrição realizada! OK