A gente explica: Cartão Private Label e White Label

Publicado em 8 de janeiro de 2020.

Tempo de leitura 3 minutos de leitura

Você sabe o que é um cartão private label? E sua diferença para um cartão white label? Essas são soluções financeiras que evoluíram de forma significativa nos últimos anos. E continuam em expansão!

Explicaremos neste artigo os principais pontos sobre esses meios de pagamento!

Qual é a diferença entre o Cartão Bandeirado White Label e o Private Label?

Visando atender as necessidades de diversos negócios, as empresas disponibilizam dois tipos de cartões aos seus clientes: o Private Label e o Bandeirado White Label. Mas qual é a diferença entre eles?

De forma geral cartões Private Label são linhas de crédito oferecidas por uma empresa (um supermercado, por exemplo), que podem ser utilizadas clientes apenas na própria loja e sua rede de parceiros, por meio dos chamados marketplaces digitais

O cartão é emitido sem bandeira, com a identidade visual da marca. É um velho conhecido do mercado varejista, também chamado de “cartão de loja” ou “cartão marca-própria”. Através dele, os consumidores têm a única opção de utilizá-lo na rede do estabelecimento que o emitiu. Um deles é a personalização da forma de pagamento, visto que a empresa emissora pode facilitar os meios de quitação. Há também um maior reconhecimento da marca – que começa a fazer parte da rotina do cliente, seja ao realizar uma compra, ir até a loja realizar o pagamento ou ter acesso a promoções e benefícios exclusivos. 

Por outro lado, o cartão White Label, também conhecido como cartão híbrido ou co-branded, é emitido com a marca do negócio possuindo uma bandeira de cartão como por exemplo: Visa, Mastercard e Elo. Como esse modelo possui vínculo com uma bandeira, os consumidores podem utilizá-lo também em outros estabelecimentos.

Por fim, há a possibilidade de proporcionar uma boa experiência de compra para o cliente. Talvez permitindo a acumulação de pontos que geram descontos ou premiações. O resultado disso é uma maior credibilidade para o negócio, além de favorecer a fidelização de consumidores.

 

Como uma plataforma de serviços financeiros pode otimizar serviços de pagamento?

Existem empresas que disponibilizam a emissão de Cartões Bandeirados White Label por meio de plataformas Banking as a Service (BaaS). Uma delas é a Dock, que é uma das pioneiras em oferecer esse tipo de serviço.

Como o modelo da plataforma é White Label, a empresa pode customizar recursos, funcionalidades e serviços para os clientes, exibindo o logotipo da marca na aplicação. Entre as possibilidades que o BaaS da Dock oferece, estão:

  • conta de pagamento;
  • transferência financeiras;
  • pagamento de contas;
  • investimentos;
  • abertura de conta digital;
  • emissão de cartões de débito e pré-pago na modalidade crédito.

 

Qual opção é melhor para a minha empresa?

A resposta definitiva é: “depende do seu modelo de negócio e da sua estratégia comercial”. O ideal é pontuar os objetivos da empresa e como as propostas de ação para cada modelo poderá efetivamente ajudar a alcançá-los. 

Esperamos que esse artigo tenha sido útil na jornada de compreender e agir sobre os próximos passos que você vai dar em direção ao futuro da sua empresa.

Quer saber mais detalhes sobre como um cartão white-label pode funcionar para sua empresa? Conheça mais sobre a solução de Digital Banking da Dock. 

Aviso de cookies

Para melhorar a sua experiência em nossas páginas e garantir uma sessão segura, avisamos que o uso de cookies está ativo. Ao navegar em nosso site, você permite automaticamente o recolhimento de estatísticas para o envio de alertas e serviços relacionados ao seu interesse. Para obter mais informações sobre cookies, acesse nossa Política de Cookies.