Mulheres na Tecnologia: desafio por igualdade no mercado de trabalho

Publicado em 28 de março de 2020.

Tempo de leitura 4 minutos de leitura

Em março, o novo episódio do podcast da Conductor, o VAT60, fez uma homenagem ao mês em que se celebra o Dia Internacional da Mulher e discutiu a participação das mulheres na tecnologia e o desafio por igualdade de gênero no mercado de trabalho.

Quatro convidadas conversaram com a Business Partner da Conductor, Priscilla Arruda, e compartilharam um pouco das suas trajetórias e opiniões sobre a representatividade na área. São elas: Amanda Days – Analista de Sistemas e Mestranda Profissional em TI (IFPB); Ayla Rebouças – Professora da UFPB e Doutora em Ciências da Computação pela UFCG; Barbara Xavier – Gerente de Produção na Indra; e Vanessa Dantas – Professora da  UFPB, Embaixadora do Women Techmakers e Coordenadora do projeto IT Girls.

Ouça o episódio na íntegra e inspire-se também para trilhar o seu caminho profissional na área de TI:

Representatividade das mulheres na Tecnologia

Entre os assuntos mais comentados desse episódio do nosso podcast, está o desafio de ser mulher em uma área ainda dominada por homens. Em 2019, dados da ONU Mulheres estimavam que menos de 30% dos pesquisadores em áreas científicas e tecnológicas eram do sexo feminino. O bate-papo das convidadas confirma: calcula-se que 20% dos profissionais que atuam no mercado de TI (Tecnologia da Informação) no Brasil são mulheres.

Ou seja, apesar desses índices estarem crescendo ao longo dos anos, ainda é preciso quebrar o estereótipo de que este é um mercado mais masculino. Segundo elas, a mudança de paradigma depende de uma mudança cultural e social, que pode começar já na educação infantil. Para isso, é preciso estimular o interesse das meninas pelas áreas de Artes, Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática – as disciplinas da chamado STEAM, uma abordagem pedagógica que estimula a aprendizagem integrada desses temas.

Como acelerar a igualdade entre os gêneros no setor de Tecnologia?

É importante que as organizações façam a sua parte para estimular a igualdade de gênero em Tecnologia. No episódio do VAT60, as participantes sugeriram alguns caminhos que podem contribuir para que esse processo aconteça de forma mais acelerada. Confira:

  • Recrutamento: algumas empresas priorizam a diversidade na hora de contratar novos profissionais e desenvolvem internamente projetos direcionados ao empoderamento feminino. Desta forma, estimula-se, também, a entrada de outras mulheres na organização.
  • Educação: a não-participação de mulheres na tecnologia é um reflexo da sociedade, que, por diversos aspectos culturais, normalmente não estimula atividades de lógica ou ciência para meninas na escola ou em casa. Se educadores mudarem esse comportamento, a tendência é que o cenário se transforme também.
  • Conhecimento na área: muitas mulheres não tem interesse no setor, porque desconhecem as possibilidades que a área de TI oferece. É necessário buscar mais referências no mercado e criar iniciativas que mostrem as oportunidades que existem em Tecnologia para as mulheres – e que essa área também é delas!

Como incentivamos a participação das mulheres na Tecnologia?

Na Conductor, estamos comprometidos a incentivar cada vez mais a participação de mulheres na área, lembrando sempre que o campo de atuação é vasto, com oportunidades em programação, gestão, desenvolvimento, ciência de dados, educação, análise de sistemas, produto e muitas outras.

Atualmente, nossa equipe tem cerca de 780 colaboradores, dos quais aproximadamente 230 são mulheres. No nosso time de liderança, são 31 pessoas do sexo feminino.

Sabemos que ainda temos um caminho a percorrer para que haja mais diversidade de gênero nas nossas áreas, por isso nos preocupamos em promover nossas vagas, especialmente as de Tecnologia, para grupos de mulheres, incentivando-as a participar dos processos seletivos.

Aviso de cookies

Para melhorar a sua experiência em nossas páginas e garantir uma sessão segura, avisamos que o uso de cookies está ativo. Ao navegar em nosso site, você permite automaticamente o recolhimento de estatísticas para o envio de alertas e serviços relacionados ao seu interesse. Para obter mais informações sobre cookies, acesse nossa Política de Cookies.